Samba um dia, samba sempre

Samba um dia, samba sempre

Ivete Sangalo

Ivete Sangalo

 

 

 

Site officiel 

 

Blog officiel 

 

 

 

Ivete Maria Dias de Sangalo est une chanteuse brésilienne née le 27 mai 1972 à Juazeiro (Etat de Bahia).

 

Déjà petite, elle commence à chanter. Au collège, elle profite des récréations pour jouer de la guitare et, dans les soirées familiales, s'occupe des percussions. À 17 ans, elle s'installe à Salvador pour y travailler comme mannequin mais ne résiste pas à sa passion pour la musique.

 

Elle commence alors à jouer dans des bars et, par la suite, fait quelques concerts dans l'intérieur de l'état de Bahia jusqu'au Pernambuco. Dans sa ville natale, elle est alors invitée à faire la première partie de Geraldo Azevedo au théâtre du centre culturel local.

 

De retour à Salvador, elle participe à une micareta (*) dans la ville de Morro do Chapéu. Elle y rencontre le producteur Jonga Cunha, fondateur du groupe Banda Eva. Ainsi commença le règne d'Ivete sur le groupe Banda Eva, avec lequel elle enregistrera six albums, vendus à plus de 4 millions d'exemplaires. Avant, en 1992, l'artiste avait remporté le prix Dorival Caymmi de meilleure interprète.

 

 

Sa carrière solo démarre officiellement le mercredi des cendres 1999, pour son dernier carnaval avec Banda Eva. D'avril à juin de cette même année, elle enregistre les 14 titres de son premier album, Ivete Sangalo. Elle a déjà vendu plus de 2 millions d'albums jusqu'à aujourd'hui.

 

(*) Micareta est le nom donné à toute fête de carnaval en dehors des périodes traditionnelles de carnaval. Le nom dérive de la fête française de Mi-Carême.

 

 

 

 

Ivete sera maman au mois d'octobre 2009.

 

 

DISCOGRAPHIE

 

Albums en tant que chanteuse du groupe Banda Eva

 

·        1993: Banda Eva

·        1994: Pra Abalar

·        1995: Hora H

·        1996: Beleza Rara

·        1997: Banda Eva ao Vivo

·        1998: Eva, Você e Eu

 

·        1999: Ivete Sangalo

·        2000: Beat Beleza

·        2001: Festa

·        2002: Se Eu Não Te Amasse Tanto Assim

·        2003: Clube Carnavalesco Inocentes em Progresso

·        2004: MTV Ao Vivo - Ivete Sangalo

·        2005: As Super Novas

·        2006 : O Melhor de Ivete Sangalo

·        2006 : Multishow Ao Vivo : Ivete no Maracana

 

 

Voici quelques paroles de ses chansons 

 

BERIMBAU METALIZADO

 

Que som é esse mano?
Que o povo tá dançando?
Que vem de lá prá cá?
É um som diferente
Que alucina a gente
E faz dançar...

É uma mistura de tambor
Violino e agogô
Que não deixa ninguém parado
Lá no fundo tá rolando
O som que vem empurrando
É o berimbau metalizado...(2x)

Tá, tá, tá
Tá arrastando toda a massa
Tá, tá, tá
Tá balançando o chão da praça
Tá, tá, tá
Tá todo mundo arrepiado
Curtindo o som
Do berimbau metalizado...(2x)

Que som é esse mano?
Que o povo tá dançando?
Que vem de lá prá cá?
É um som diferente
Que alucina a gente
E faz dançar...

É uma mistura de tambor
Violino e agogô
Que não deixa ninguém parado
Lá no fundo tá rolando
O som que vem empurrando
É o berimbau metalizado...(2x)

Tá, tá, tá
Tá arrastando toda a massa
Tá, tá, tá
Tá balançando o chão da praça
Tá, tá, tá
Tá todo mundo arrepiado
Curtindo o som
Do berimbau metalizado...(2x)

Que, Que, Que, Que, Que
Que som e esse mano?
Que o povo tá dançando?
Que vem de lá, prá cá
Som diferente
Que alucina a gente
E faz dançar...

É uma mistura de tambor
Violino e agogô
Que não deixa ninguém parado
Lá no fundo tá rolando
O som que vem empurrando
É o berimbau!

Tá, tá, tá
Tá arrastando toda a massa
Tá, tá, tá
Tá balançando o chão da praça
Tá, tá, tá
Tá todo mundo arrepiado
Curtindo o som
Do berimbau metalizado...(4x)

 

 

CEU DA BOCA

 

É de babaixá,
é de balacumbaca
É de babaixá,
é de balacubaca
Tê, têteteteretetete...
Tê, têteteteretetete...
Eu quero beijar a sua boca louca
Eu quero beijar a sua boca louca
Eu vou enfiar uva no céu da sua boca, eu vou vou enfiar uva no céu da sua boca
Eu quero beijar a sua boca louca
Eu quero beijar a sua boca louca
Eu vou enfiar uva no céu da sua boca, eu vou vou enfiar uva no céu da sua boca
E aí chupa toda
Disse Toda
Chupa Toda
Disse toda
Chupa Toda!

 

 

FLOR DO REGGAE

 

Oh Oh! Oh Oh!
Oh Oh!...
Um brilho de amor chegou
Na ilha inteira
E a lua que traz amor
É lua cheia
O grito de dor que vem
Do peito de quem amou alguém...

O reggae me traz saudades
De quem me beijou
E agora tá tão distante
Em outra ilha
O amor me chamou de flor
E disse que eu era alguém
Prá vida inteira...

Como se eu fosse flor
Você me cheira!
Como se eu fosse flor
Você me rega!
E nesse reggae eu vou
A noite inteira!
Porque morrer de amor
É brincadeira!...(2x)

Um brilho de amor chegou
Na ilha inteira
E a lua que traz amor
É lua cheia
O grito de dor que vem
Do peito de quem amou alguém...

O reggae me dá saudades
De quem me beijou
E agora tá tão distante
Em outra ilha
O amor me chamou de flor
E disse que eu era alguém
Prá vida inteira...

Como se eu fosse flor
Você me cheira!
Como se eu fosse flor
Você me rega!
E nesse reggae eu vou
A noite inteira!
Porque morrer de amor
É brincadeira!...(3x)

 

NAO ME CONTE SEUS PROBLEMAS

 

Então não me conte seus problemas
Hoje eu quero paz eu quero amor
Então não me conte seus problemas
Nada de tristeza nem de dor

Esse sol tão lindo gostoso de se ver
Essa vida boa correndo pelas mãos
Esse povo todo cantando pra valer
Solte essa cabeça acelere o coração
Hoje eu to querendo falar de coisa boa
Hoje eu to querendo gostar mais de você
Vamo balançando dando risada à toa
Hoje só não dança quem gosta de sofrer

Então não me conte seus problemas
Hoje eu quero paz eu quero amor
Então não me conte seus problemas
Nada de tristeza nem de dor

Veja bem, ta tudo certo
Nós dois na avenida dançando de coração aberto
Veja bem, Deus não perdoa
Vamo jogar essa mão pra cima que a vida é muito boa

Então não me conte seus problemas
Hoje eu quero paz eu quero amor
Então não me conte seus problemas
Nada de tristeza nem de dor

Esse sol tão lindo gostoso de se ver
Essa vida boa correndo pelas mãos
Esse povo todo cantando pra valer
Solte essa cabeça acelere o coração
Hoje eu to querendo falar de coisa boa
Hoje eu to querendo gostar mais de você
Vamo balançando dando risada à toa
Hoje só não dança quem gosta de sofrer

Veja bem, ta tudo certo
Nós dois na avenida dançando de coração aberto
Veja bem, Deus não perdoa
Vamo pensa positivo que essa vida é muito boa

Então não me conte seus problemas
Hoje eu quero paz eu quero amor
Então não me conte seus problemas
Nada de tristeza nem de dor

 

 

SO PRA ME VER

 

Me deixa cantar que a banda é boa
Me deixa cantar
Me deixa cantar que a vida é boa
Me deixa cantar
Me deixa cantar que a banda é boa
Me deixa (2x)
Primeiros acordes na avenida
E o povo se junta pra ver
Uma banda famosa da terra
Hoje vai ter
A gente toca música boa
Que o povo gosta de cantar
Liberdade na voz dela que ecoa
E balança
Sou eu, sou eu, sou eu
Quem carrega a galera
Que dança, que passa
Que fica, que espera pra ver
Só pra me ver
Sou eu, sou eu, sou eu
Quem carrega a negada
Que dança, que passa
Que fica parada pra ver
Só pra me ver
Primeiros tambores na avenida...
Me deixa cantar que a banda é boa
Me deixa cantar
Me deixa cantar que a vida é boa
Me deixa cantar
Me deixa cantar que a banda é boa
Me deixa cantar
Me deixa cantar que a vida é boa
Me deixa cantar

 

 

SORTE GRANDE POEIRA

 

A minha sorte grande,
Foi você cair do céu,
Minha paixão verdadeira.
Viver a emoção,
Ganhar teu coração,
Pra ser feliz a vida inteira...

É lindo o teu sorriso,
O brilho dos teus olhos,
Meu anjo querubim.
Doce dos teus beijos,
Calor dos teus braços,
Perfume de jasmim...

Chegou no meu espaço,
Mandando no pedaço,
Com o amor que não é brincadeira.

Pegou me deu um laço,
Dançou bem no compasso,
De prazer levantou poeira.
Poeira
Poeira
Poeira
Levantou poeira!
Poeira
Poeira
Poeira
Levantou poeira!

 

Cadê Dalila?

Vai buscar Dalila... vai buscar Dalila ligeiro
Vai buscar Dalila... vai buscar Dalila ligeiro
Ligeiro, ligeiro, ligeiro....

Hem hem hem hem oooooo
Hem hem hem hem oooooo

Eu vi (vai levando)
Esse povo é vip (vai levando)
Ninguém é triste (vai levando)
O futuro existe (vai levando)
Eu vi (vai levando)
O trio não para, Dodô (vai levando)
Batuqueiro não para, Dodô (vai levando)
O amor não para

Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou

Eu vi (vai levando)
Ta tudo preparado (vai levando)
Pra chegar lá em cima (vai levando)
Quem quiser vem comigo (vai levando)
Eu vi (vai levando)
Motorista não para (vai levando)
Operário não para (vai levando)
A cidade não para

Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou

Lá vai, lá vai, lá vai,
Lá vai o trio e o povo
Levanta coração, sujeito carinhoso (2x)

Vai buscar Dalila... vai buscar Dalila ligeiro
Vai buscar Dalila... vai buscar Dalila ligeiro

Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou
Hem hem hem hem oooooo, eu vou

Cadê Dalila?

Vai buscar Dalila... vai buscar Dalila ligeiro
Vai buscar Dalila... vai buscar Dalila ligeiro

 

 



09/03/2009
0 Poster un commentaire

A découvrir aussi


Inscrivez-vous au blog

Soyez prévenu par email des prochaines mises à jour

Rejoignez les 42 autres membres